O Preconceito e as Redes Sociais

Posted: sexta-feira, 30 de setembro de 2011 by Emmanuel do N. Sousa in
1

Ao passo em que comemoramos a quebra das barreiras físicas e os obstáculos geográficos mundiais, visto o advento das Redes Sociais e ferramentas afins de uso comum na internet, constatamos também a alarmante disseminação do preconceito humano no Brasil.

Essa prática se intensificou, notadamente, após a adoção das redes sociais de forma massiva pela população brasileira!

Coisas que antes eram tomadas como atitudes isoladas em determinadas regiões, se alastraram e se expandiram através de comunidades no Orkut e, mais tarde, nas 'hashtags' do Twitter...

Criar e/ou participar de grupos racistas e pseudo-nazistas no decadente Orkut estava se tornando uma forma de ‘status’ para jovens mal orientados da nossa sociedade, até que a imprensa notou a propagação e a justiça interveio procurando desarticular essa prática, inclusive chamando a atenção do pais sobre o conteúdo ao qual seus filhos acessavam na ‘internet’.

Através dessas práticas covardes, 'n' pessoas que antes não se sentiam encorajadas a adotar qualquer procedimento discriminatório se sentiram acobertadas por personalidades do meio artístico e, claro, pelos pseu-ídolos construídos a partir de qualquer termo perjorativo ‘viralizado’ na grande rede...

Na minha opinião, divulgar vídeos do tipo “réplica”, onde os incomodados com os mal-tratos respondem de forma agressiva aos insultos recebidos, apenas fará AUMENTAR o sentimento de desgosto, ira, indignação e, claro, da própria discriminação entre brasileiros que, lembremos, também sofrem preconceito lá fora, nos países desenvolvidos!

Não adianta em nada o Brasil se acobertar em Leis preconizando Direitos das ditas ‘minorias’, fomentando atribuições e ditando penalidades, se não há respeitabilidade entre os próprios brasileiros: Não é com imposição legal que obteremos respeito entre nós mesmos.

Como vi outro dia em uma frase ‘viralizada’ no Twitter: “ Tem dias para tudo: Orgulho Gay, Orgulho Negro, Orgulho Hétero... É muito Orgulho, pra pouco Respeito!”

1 comentários:

  1. Adorei!!! Falou tudo, nem preciso comentar. Eu também postei no meu blog algo do tipo, mas você fala mais bonito que eu... kkkkk http://gitanapimentel.blogspot.com/